Brincadeiras Educativas

Brincadeiras Educativas

As brincadeiras educativas é uma importante oportunidade de aprendizagem para as crianças.

Por meio delas, os pequenos são estimulados de maneira divertida e espontânea, fixando conhecimentos tanto no âmbito individual como no coletivo.

Para ajudar os pais com brincadeiras educativas e divertidas o Kid Recanto Buffet trouxe 05 brincadeiras.

 

 1º Pega batatas

 Para crianças de 3 a 7 anos pode ser feita a brincadeira pega batatas.

Na brincadeira, o adulto que é o juiz da  a atividade deve pegar algumas folhas de papel e amassá-las fazendo bolas do tamanho de batatas, seria muito legal se conseguisse personalizar os papéis com carinha de batata divertida.

Essas “batatas” as folhas amassadas deverão ser escondidas pela casa ou o ambiente onde for feita a brincadeira e as crianças separadas em dois grupos. Cada grupo recebe uma cesta e sai à procura das batatas escondidas.

A equipe que conseguir encontrar mais batatas vence o desafio.

A tarefa acaba por exercitar a cooperação, espírito de equipe, raciocínio, agilidade e muita diversão.  

 

2º Autorretrato em tamanho real

Agora uma brincadeira que envolve a autoestima e habilidades artísticas e criatividade.

Será um autorretrato em tamanho real, feito a partir da silhueta das crianças.

Elas devem deitar-se em folhas de papel craft grandes o bastante para caber o corpo todo. O adulto que estará conduzindo a atividade desenhará o contorno do corpo dos participantes com canetinha hidrocor.

Depois, o papel é recortado e cada criança deverá se desenhar no papel, incluindo suas características como exemplo: cor e tamanho dos cabelos, e trabalhando assim sua autoimagem, aceitação, amor-próprio e observação de si.

Pode ser usada tinta guache, colagens, canetinhas e outros materiais que tenham disponíveis.

 

3ª Caixa sensorial

A caixa sensorial é uma brincadeira que pode ser realizada com crianças pequenas, de 3 a7 anos.

Precisamos de uma caixa contendo diversos elementos que exploram as sensações táteis das crianças. Pode ser uma caixa de sapatos ou caixa de papelão tampada.

É necessário fazer uma abertura para que as crianças coloquem a mão no interior da caixa e sintam os objetos.

Elas devem descrever as sensações que o toque proporciona e tentar descobrir qual é o objeto da caixa. É interessante que sejam elementos com texturas distintas, como esponjas, slimes, algodão, plásticos, ferro ,etc.

Essa é uma chance de explorar o sentido do tato, a imaginação dos pequenos e a concentração.

4º Caça ao tesouro sensorial

A caça ao tesouro, já bastante tradicional, pode ficar muito mais divertida de uma forma bastante simples: com objetos sensoriais. Primeiro, escolha algumas texturas diferentes, como liso, áspero, aveludado, macio, mole ou rígido. Depois, peça ao pequeno ou pequena que corra pela casa e encontre os objetos com aquelas características.

Dessa forma, você usa o ambiente ao seu redor para brincar e também ensina sobre a observação. Além disso, é possível escolher outras qualidades dos objetos para a brincadeira, como as cores e os tamanhos, por exemplo. Um cronômetro pode deixar a brincadeira ainda mais emocionante estipule o tempo e vamos vê quem mais consegue objetos e ganha a brincadeira. 

 

5º Stop

Essa brincadeira é super fácil de fazer, você só precisa de papel e caneta! Primeiro, escolha vários temas, como: nome, cor, animal, objeto, país. Pense em temáticas que a criança já conhece e alinhe com o que ela está estudando na escola.

Para crianças mais velhas, os temas podem ser ainda mais interessantes, como livros de literatura, componentes químicos, plantas e muito mais! Desenhe várias colunas para serem preenchidas durante o jogo. 

A cada rodada, uma letra é escolhida e todas as pessoas que estão brincando devem preencher cada um dos temas com uma palavra que comece com a letra escolhida. Por exemplo, na letra A você pode colocar Aline (nome), Azul (cor), Arara (animal). Quem tiver mais palavras diferentes, ganha!