O que fazer com as crianças na quarentena?

O que fazer com as crianças na quarentena?

Com a instauração da quarentena, por conta da pandemia de coronavírus, as aulas escolares foram suspensas e as crianças obrigadas a ficar em casa.

Opções existem aos montes e, inevitavelmente, o celular e a TV terão sua vez , mas que tal dar uma variada?

Leitura

Adiantar a leitura dos livros paradidáticos do colégio pode ser uma boa ideia, mas não a única. Alguns sites disponibilizam obras para serem baixadas gratuitamente, como o Domínio Público, com cerca de 250 livros infantis em PDF, e o Espaço de Leitura, que associa as histórias a jogos. A L&PM também oferece alguns títulos, como “Alice no País das Maravilhas”, de Lewis Carroll e “Viagem ao Centro da Terra”, de Julio Verne.

 

Contação de Histórias

A hora é de nos unirmos, mesmo que à distância, e foi pensando nisso que contadores de histórias estão fazendo lives em seus perfis nas redes sociais. Tem a Flávia Scherner(@fafaconta), seg, qua e sex às 10h30 e ter e qui, às 16h30; a Emília Nuñez (@maequele), diariamente, às 11h e o Ralphen Rocca (@ralphenr), diariamente, às 16h, entre outros. E eles estão se organizando para fazer as transmissões em diferentes horários. No YouTube, ainda tem os canais Hora da LeiturinhaQuintal da Cultura e Varal de Histórias. Outra dica, que serve para pais (nostálgicos) e filhos, é a clássica Coleção Disquinho, aquela de compactos coloridos que foi lançada pela Continental dos anos 60 aos anos 80 e reúne contos e histórias infantis, com músicas compostas por Braguinha e orquestradas por Radamés Gnattali. Agora, está no Spotify.

Podcast

Os podcasts chegaram para ficar e também fazem sucesso com a garotada. O “E se… podcast” é feito para crianças e por crianças, os irmãos Luiza e Bruno. Para os curiosos, o “Coisa de criança” esclarece dúvidas como “por que o mar é salgado?” e “Como surge o arco-íris?”. E pra quem gostar muito da ideia dos podcasts, o “Alôténica” dá dicas de como produzir um.

Músicas

Alguns aplicativos de compartilhamento de músicas já têm playlists próprias para as crianças. Há as de cantigas de roda, de MPB e de música clássica para os pequenos, para dançar e até para ouvir na hora do banho. A “Música para crianças” reúne canções da Galinha Pintadinha, do Mundo Bita e do Palavra Cantada. A “Canções ilustradas” tem de tudo um pouco, com músicas dos Beatles, Toquinho e Pato Fu. Mas o melhor mesmo é poder criar uma lista para chamar de sua, personalizada: por exemplo, com as trilhas sonoras dos filmes preferidos deles? E, voltando ao YouTube, o canal Zis tem vídeos com músicas acompanhadas de ilustrações divertidas.

Fonte: Patricia Espinoza  20/03/2020 – 07:00 / Atualizado em 23/03/2020